9 de nov de 2009

IOF, CBO e Federação Paranaense de Orientação realizam Clínica de Mapeadores



A cidade de Curitiba - PR recebe entre os próximos dias 25 e 27 a Clínica de Mapeadores da Federação Internacional de Orientação (IOF). O evento será promovido conjuntamente pela Confederação Brasileira de Orientação (CBO), pela Federação Paranaense de Orientação (FPO), além das Universidades Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Academia Policial Militar do Guatupê (APMG).

A clínica consistirá essencialmente, de um aperfeiçoamento em mapeamento de orientação a ser ministrado por dois renomados profissionais de Cartografia, instrutores e membros do conselho de mapeadores da IOF com grande experiência internacional (László Zentai e Dusan Petrovic).

A primeira fase da clínica tem por objetivo o esclarecimento de dúvidas na interpretação da ISOM/2000 e a diferenciação entre a simbologia da ISOM/2000 e a ISSOM/2005. Na segunda fase o objetivo é estabelecer a relação do GPS / TrackMaker / Google Earth / Ocad, para a obtenção de imagens georeferenciadas como mapa-base, e a terceira fase tem objetivo a divulgação científica, voltada para linhas de pesquisa no estudo de mapeamento topográfico e a cartografia no ambiente WEB.

Clinica Internacional de Mapeadores da IOF em Curitiba

Evento transformou Curitiba no centro das atividades de mapeamento do país, contando com a participação de mais de 40 participantes

A Clínica Internacional de Mapeadores da IOF, transformou a cidade de Curitiba no Paraná, no centro das atenções dos mapeadores de orientação do Brasil, no transcurso da última semana.

O evento reuniu na Academia de Polícia Militar do Guatupê, mais de 40 mapeadores de orientação de diversos estados do Brasil, em três dias de atividades constantes e intensos debates sobre peculiaridades do trabalho de mapeamento.

Entre os palestrantes do evento, estavam o Professor László Zentai, Ph.D., redator final da ISOM/2000 (International Specification for Orienteering Maps 2000) e da ISSOM/2005. Ex-presidente do Comitê de Mapas da Federação Internacional de Orientação (IOF), membro do Conselho da IOF e vice-reitor da Eötvös Lorand University, Budapeste, capital da Hungria, e o professor Dusan Petrovic, Ph.D., professor de Cartografia, Fotogrametria e Sensoriamente Remoto no Departamento de Geodésia da Universidade de Ljubljana, na Eslovênia. Membro da Associação Internacional de Cartografia e da Comissão de Cartografia de Montanha. Cujo tema atual de pesquisa é a elaboração de mapas para esportes e diferentes atividades outdoor.

No âmbito nacional, palestraram o professor Raul M. P. Friedmann, M.Sc., professor dos cursos de Engenharia da UTFPR. Autor do livro Fundamentos de Orientação, Cartografia e Navegação Terrestre, além do professor José Otávio Franco Dornelles, Bacharel em Educação Física e Presidente da Confederação Brasileira de Orientação (CBO).

De todos os assuntos ministrados e discutidos, o mais relevante disse respeito à normatização do emprego da ISSOM e principalmente as suas conseqüências para eventuais mudanças na ISOM que neste momento encontra-se em processo de revisão/validação por um grupo de especialistas já nomeados pela IOF.

A propósito do evento, também ocorreram inúmeras discussões técnicas que suscitaram padronizações de procedimentos por parte dos mapeadores e a necessidade de padronização de algumas regras e procedimentos, por parte da CBO, o que deverá ocorrer por ocasião da Assembléia Geral (AGO) que ocorrerá no mês de janeiro em Cascavel-PR.

Foi consenso entre os participantes, que o evento se mostrou uma oportunidade única de intercâmbio, que muito acrescentou em termos de conhecimento técnico aos presentes, deixando entre todos a expectativa de uma reedição em outubro de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário