10 de dez de 2016

Manual do Jovem Orientista - Dica nr 74

Dica no 74: O trabalho de mapeamento é importante.

Alguns orientistas têm interesse especial pelo mapeamento das áreas de orientação. Não há comprovação de que o aprendizado do mapeamento auxilie na performance do orientista, entretanto, vários orientistas de boa performance também são bons mapeadores. O envolvimento contínuo com o esporte é fundamental para o bom mapeador, segundo recomendação da IOF. Por essa razão todos os mapeadores precisam ter experiência em vários tipos de terreno e vegetação, para poderem trabalhar com melhor qualidade. O limite diário do trabalho de campo é de 6 horas contínuas ou dois períodos de 4 horas, isso para um mapeador com ótimo preparo físico. Um mapa bom para dois percursos (médio e longo) leva pelo menos duas semanas de trabalho de campo e o mesmo tempo correspondente de trabalho em horas de digitalização num computador. A qualidade do mapa é diretamente proporcional ao tempo total de trabalho dedicado a ele, quanto mais tempo disponível, melhor será a qualidade do mapa. A prática é fundamental para o desenvolvimento da qualidade no trabalho de campo e rapidez na execução da digitalização. O manuseio do programa de desenho no computador é bastante intuitivo, mas a prática e o conhecimento de todas as ferramentas fazem muita diferença entre um mapeador novato e outro experiente.

Como sugere a IOF, o mapa deve conter todas as características que sejam bem visíveis no terreno e que sejam úteis à sua leitura. Durante o trabalho de campo deve-se manter a clareza e legibilidade do mapa, mas a legibilidade nunca deverá ser sacrificada a favor da apresentação em excesso de pequenos detalhes ou elementos no mapa. Como tal, é necessário, no trabalho de campo, definir tamanhos mínimos para muitos tipos de detalhes, respeitando os valores mínimos estabelecidos pelas normas da IOF. Estes tamanhos mínimos poderão variar consideravelmente de um mapa para outro de acordo com a quantidade existente dos detalhes respectivos. No entanto, a consistência é uma das mais importantes qualidades de um mapa de orientação, isto é, o que for definido como padrão para um mapa não deve ter diferenças em partes distintas dentro do mesmo mapa, mesmo que este seja feito por dois ou mais mapeadores. Neste caso é bom que um dos mapeadores faça a revisão final, percorrendo a área que os demais mapearam, fazendo a padronização.

Deve ser observado que o trabalho de mapeamento pode atrapalhar os atletas na fase específica de treinamento, próximo a competições importantes. Em 2006 eu fui o 2o colocado no CAMORFA, mas foi marcada uma outra seletiva para o Campeonato Mundial no Brasil cerca de três meses depois. Neste intervalo, estive mapeando sozinho uma área grande para a prova de orientação do Mundial de Pentatlo Aeronáutico, que também foi no Brasil. Eu havia mapeado uma área nova de treinamento no início do ano, antes do CAMORFA, mas tive que preparar outro trecho diferente para treinamento, além da área para a competição. Enquanto eu estava mapeando, os demais atletas estavam treinando normalmente, fazendo a preparação para a seletiva e a competição que viria depois. O resultado foi que fiquei fora da equipe nacional depois da seletiva final. Se estivesse treinando com os demais, certamente meu desempenho na seletiva teria sido melhor. Os atletas de elite que também são mapeadores devem agendar o trabalho de campo apenas para a fase básica de treinamento, longe das competições principais, onde não atrapalhe os resultados esperados para a temporada.

Ir ao ÍNDICE

24 de nov de 2016

49º WMOC Campeonato Mundial Militar de Orientação



Foi realizado de 18 a 22 de novembro de 2016 o 49º WMOC - Campeonato Mundial Militar de Orientação, nas cidades de Rio das Ostras e Búzios no estado do Rio de Janeiro. Informações detalhadas podem ser encontradas na página do organizador.
Podem ser vistas mais informações na página da Orientação do CISM.
CISM  ORIENTEERING

Vejam algumas traduções das postagens logo abaixo.

Evento com partição do público local.

Teve um grande trabalho de preparação. 
 

E um excelente resultado final. Veja o outro vídeo do Facebook.


Percurso Médio
Um começo perfeito do campeonato: 27°C e luz do sol. Os corredores esperavam pela selva brasileira (verde). Então eles tiveram um pouco e ficaram muito felizes. 
Alguns pequenos ou grandes erros da maioria dos corredores. A maioria deles cometeu os erros no verde. Sarina Jenzer, SUI perdeu cerca de 4 minutos nessa área. 
Mathias Kyburz cometeu erros também. A mesma área será usada para a Longa Distância, sem mapas disponíveis neste dia.


2016-11-19-05Resultados Mulheres Médio
1- Natalia Efimova, RUS 30'32"
2- Sarina Jenzer, SUI 31'16"
3- Julia Novikova, RUS 31'41"

Resultados Homens Médio
1- Mathias Kyburz, SUI 31'23"
2- Leonid Novikov, RUS 32'36"
3- Martin Hubmann, SUI 33'14"



2016-11-19-07

O veterano Valentin Novikov (RUS), marido de Julia Novikova, foi o 4° colocado, apenas a  5 segundos de Martin Hubmann. Destaque para o brasileiro Sidnaldo Sousa, que foi o 10° colocado neste percurso, melhor resultado individual masculino de todos os tempos.  No feminino Letícia Saltori foi a 13a colocada, e Franciely Chiles a 18a.

Resultado completo do percurso médio.


Percurso Longo
Outro dia fantástico no Brasil: tudo perfeito. O jovem casal da Suíça, Sarina Jenzer e Mathias Kyburz, ganhou os 2 ouros. Foi a primeira vez que a Suíça trouxe mulheres para o CISM e conseguiram vencer. Parabéns!

2016-11-20-05
 Resultados Mulheres Longo


1- Sarina Jenzer, SUI 57'41"
2- Urzula Kadan, AUT 59'38"
3- Natalia Efimova, RUS 59'39"

2016-11-20-06Resultados Homens Longo
1- Mathias Kyburz, SUI 72'05"
2- Frederic Tranchand, FRA 75'20"
 3- Timo Sild, EST 77'04" 


Mathias Kyburz ganhou novamente, esta é sua melhor temporada. Ele já havia vencido a Copa do Mundo de Orientação de 2016. Destaque para Sidnaldo Sousa, que foi o 16° neste percurso. No feminino Letícia Saltori foi a 9a colocada, melhor resultado individual feminino de todos os tempos.

Resultado completo do percurso longo.

2016-11-20-08

Competição de Equipes Feminino:
3 melhores no Médio + 3 melhores no Longo
1- Rússia
2- Polônia
3- Suíça

Competição de Equipes Masculino:
4 melhores no Médio + 4 melhores no Longo
1- Suíça
2- Rússia
3- Polônia

Resultado completo por equipes.


Revezamento

2016-11-23-01

Um dia fantástico em Búzios. Os brasileiros queriam promover a orientação, e o fizeram. O revezamento foi organizado na cidade de Buzios, uma pequena cidade no litoral leste do Rio de Janeiro. Não foi um revezamento Sprint, como haviam divulgado os organizadores, mas foi um revezamento  urbano com muitos espectadores. 
Mapa 1: 5000, padrão Sprint. Homens 3x 9 km = 27 km. Mulheres 3x 6 km = 18 km.

2016-11-22-01

Resultados feminino

1- Rússia 01:45:24
2- Polônia 01:53:56
3- Lituânia 01:56:42

Resultados masculino
1- Suíça 02:20:51
2- Rússia 02:22:47
3- Polônia 02:22:47

2016-11-22-02No feminino a Rússia confirmou sua hegemonia nas provas militares, com Galina Vinogradova, que foi destaque da Rússia nas competições da IOF neste ano, fechando bem e mostrando sua habilidade em provas urbanas. 
No masculino a hegemonia da Suíça prevaleceu. A disputa ficou para o segundo lugar, com Andrey Khramov (RUS), que já foi campeão mundial no Campeonato da IOF, não deixando Wojciech Kovalski (POL) passar no final.


Resultado completo do Revezamento.



30 de mar de 2016

OOMapper 6.7



OpenOrienteering Mapper é um programa para desenho de mapas de orientação que oferece uma alternativa livre para o problema existente de registro de programa.

Aconselho seu uso para quem está iniciando no trabalho de mapeamento e não quer ficar utilizando uma cópia pirata do OCAD.

Sou usuário registrado do OCAD 11, mas estou testando e cooperando com esse projeto. Fiz a tradução para o Português-BR, que está disponível com a versão atual do programa. Como ele pode importar mapas do Ocad, eu uso como base mapas com símbolos do OCAD também traduzidos para o português. 


Suas principais vantagens em relação aos demais programas são:


  • Open Source: o programa é totalmente gratuito, qualquer programador pode melhorá-lo.
  • Cross-platform: o programa funciona em Android, Windows, Mac OS X e Linux.
A versão para smartfone (Android) é muito interessante pois permite abrir o mapa e fazer edições simples nele, algo que o OCAD ainda não tem. É possível importar mapas do OCAD e vice-versa, com algumas restrições, mas com bons resultados.

A versão atual recomendado para PC e Android é o Mapper 0.6.7.

Imagens:
As principais características da versão atual incluem::
  • Conjuntos de símbolos do ISOM 2000 (floresta) e ISSOM 2007 (sprint)
  • Importação e exportação de mapas OCD e conjuntos de símbolos (importa: versão 6 - 11, exporta: versão 8)
  • Trabalha com vários tipos de mapas base:
    • Imagens (bmp, jpg, tif, png, gif)
    • Dados de GPS  (gpx)
    • Dados Vetorizados (dxf, osm)
    • Mapas (ocd, omap, xmap)
  • Trabalhando com todos os tipos de símbolos importantes:
    • de Ponto
    • de Linha
    • de Área
    • Texto
    • Símbolos Compostos
  • Muitas ferramentas de desenho e de edição para objetos
  • Impressão, exportação PDF e de imagens raster para usar o mapa em programas de traçado de percurso
  • A pesquisa de declinação online abre o resultado no navegador da Web
  • Recursos avançados, como simulação de impressão sobreposta, diferentes recortes no mapa,  substituição de conjunto de símbolos, e muito mais ...
Enquanto ele está em desenvolvimento contínuo é considerado em estado beta, ele tem sido usado para produzir mapas de orientação clássica, MTBO e corridas de orientação de rádio . Todas as funções necessárias para mapas de desenho estão implementadas e o funcionamento do programa é muito estável. Por isso, pode ser considerado pronto para uso produtivo, embora como é sempre uma boa ideia manter backups de seus arquivos. Estamos felizes com o feedback para o programa.
 manual online pode lhe dar mais idéias do que o programa faz. Este manual está em inglês.
Contribuindo
Há muito a fazer, e todo o tipo de ajuda é apreciada, se você é um programador ou não. Se você estiver interessado em contribuir, bons lugares para começar são: