30 de set de 2012

Manual do Jovem Orientista - Dica nr 28

Dica no 28: Aprenda os símbolos do cartão de descrição.

Além dos símbolos do mapa, existem os símbolos do cartão de descrição, também chamado de sinalética, que fornecem informação sobre o objeto do ponto de controle e o posicionamento do prisma em relação a este objeto. Com esta informação, podemos abordar melhor o ponto de controle, achando com mais facilidade o prisma, sabendo o que e onde procurar. Esta informação pode interferir inclusive na escolha final da rota, como a decisão de atacar o ponto por um lado ou outro.

O cartão de descrição para cada percurso pode estar na frente ou no verso do mapa, mas a maneira mais fácil de consultá-lo é preso ao braço, com um porta-cartão. Com o porta-cartão no braço não precisamos desdobrar o mapa para conferir o código e descrição de cada ponto, e isto facilita bastante o manuseio. Os destros geralmente usam o porta-cartão no braço esquerdo, pelo simples motivo de ter mais facilidade de colocar e manusear com a mão direita. Podemos comprar o porta-cartão em alguns eventos ou pela Internet.


Na área de partida a organização disponibiliza cópias da descrição para cada categoria, geralmente antes de pegarmos o mapa. É responsabilidade de cada orientista conferir se o cartão que está pegando é o correto para seu percurso, o mesmo acontecendo com o mapa. É importante conferir se mapa e cartão de descrição estão corretos na hora da partida. Ocorreram vários casos de competidores que pegaram cartão ou mapa errado. 

A exemplo dos símbolos do mapa, aprendemos todos os símbolos do cartão de descrição com o decorrer do tempo, mas inicialmente é necessário conhecer pelo menos os mais comuns. Na página inicial do  Manual do Jovem Orientista você encontra a versão  com todos os símbolos previstos pela IOF. Nela aparecem as informações sobre a utilização correta de cada símbolo, descrevendo em que tipo de objeto e de que modo cada símbolo pode ser aplicado, inclusive com exemplos ilustrados.


Ir ao ÍNDICE

Nenhum comentário:

Postar um comentário